quinta-feira, 11 de outubro de 2012

saldo festrio - parte dois

dando continuidade à primeira parte sobre o festival de cinema do rio 2012, 
seguem algumas dicas da segunda semana:


imagine
gostei muito deste filme que fala de uma escola para deficientes visuais que recebe um novo professor, também cego, mas que tem métodos diferentes de ensinar. ele busca inspirar confiança nos alunos para se movimentarem sem as bengalas, utilizando-se de outras técnicas como imaginar o mundo ao redor e perceber sinais e sons importantes. 

o filme é bacana pois mostra que é possível encontrar novas maneiras de se pensar, afinal, deixar os alunos trancados dentro da instituição é mais cômodo apenas para os supervisores que enxergam. e são esses que vão se sentir incomodados com os métodos do professor novato e questionar a segurança dos alunos.

é um ótimo filme pra refletir.




nós e eu
o filme se passa no trajeto do ônibus que leva um grupo de jovens do subúrbio de nova iorque para casa depois do último dia de aulas. nós fazemos a viagem junto com eles, como se estivéssemos lá dentro e vamos ver histórias de valentões, tímidos, músicos, paqueras, amor/amizade, perdas, família, organização de festas, cigarros, términos de relacionamento, tudo em meio a conflitos e dramas bem inteligentes e um tanto divertidos.

a cada ponto vão descendo personagens e isso vai deixando espaço para que possamos conhecer melhor aqueles que vão ficando e como são de verdade, quando não estão influenciados pelo grupo.

o filme é do diretor michel gondry,
de 'brilho eterno de uma mente sem lembranças'.


unidos pela raiva: a história da act-up
documentário sobre como, na década de 80, surgiu o grupo ativista americano act-up. numa época em que pouco se conhecia sobre a aids/hiv, o grupo começa a agir para tentar melhorar as condições dos soropositivos, pressionando a indústria farmacêutica para acelerar as pesquisas, além de outras questões importantes como esclarecer melhor para a população sobre a síndrome, mostrar que não existe essa coisa de 'grupo de risco' ou até mesmo enfrentar a igreja que pregava não usar camisinha e que a aids era um castigo.

o documentário tem várias entrevistas com pessoas que viveram esses momentos e também imagens daqueles que morreram mas que contribuíram de alguma forma para a luta. como a imprensa não mostrava muita coisa e até o presidente ronald reagan evitava o assunto, o grupo teve um papel fundamental, inclusive motivando outros grupos que surgiram depois.

uma pena foi ver este último filme, tão importante, numa sala com apenas cinco pessoas. parece que muita gente não gosta ou prefere não tocar no assunto, como se a aids não existisse mais. tá certo que muita coisa mudou desde os anos 80, mas não podemos fingir que acabou, pois o próprio act-up está até hoje procurando melhorar as condições de vida das pessoas até que uma possível cura seja encontrada. 

eu já conhecia o grupo por conta da peça que vi em nova iorque (sobre o início da aids/hiv nos estados unidos) e da qual falei aqui no blog (the normal heart).


18 comentários:

  1. Legal, seja bem vindo ao "Foi a cachaça que disse" heheheh

    ResponderExcluir
  2. Waw, quantos filmes você já viu? Achei tão interessante o "Blogueiros da China" (primeira parte da postagem)! Me fez refletir aqui sobre o a importância dessa 'mídia' paralela.
    Por outro lado, cinco pessoas numa sala para assistirem a um documentário sobre HIV/Aids? Realmente, o HIV tá mais escondido do que nunca hoje em dia.
    Bom feriado.

    ResponderExcluir
  3. Olá, adorei seu blog muito moderno e original, mas vim te fazer um convite, da uma passada lá no garotos modernos e se gostar pode segui-lo que logo farei o mesmo beijos...

    ResponderExcluir
  4. os dois ultimos muito me interessaram...

    ResponderExcluir
  5. Oi Railer, tudo bem?
    Menino, eu gostei do Imagine, parece ser muito bom.
    Abraços menino

    ResponderExcluir
  6. Oi Railer,
    Seguindo .....
    E vc é o número 7 !!!
    Abraços

    ResponderExcluir
  7. This was really a fascinating subject, I am very lucky to have the ability to come to your weblog and I will bookmark this page in order that I might come back one other time.

    ResponderExcluir
  8. bem podiam ter uns festivais de cinema aqui em Recife...

    =/

    bjos

    ResponderExcluir
  9. Fiquei muito curioso para ass unidos pela raiva: a história da act-up
    parece bem legal.

    ResponderExcluir
  10. @ma, bem vindo aqui também!

    @junior nery, vi doze filmes no total. sobre o que o vc falou do documentário, dá uma olhada na minha postagem sobre a peça. pouquíssimos comentários...

    ResponderExcluir
  11. @garotos modernos, obrigado.

    @foxx, tentar baixar e ver.

    @dil, tudo joia, rapaz. o 'imagine' é bom sim.

    ResponderExcluir
  12. josé, @entre amores, obrigado e parabéns, você acertou!

    @aline, eu acho que tem, procure se informar.

    ResponderExcluir
  13. @frederico, como eu falei pro pessoal aqui, tente baixar e ver sim.

    @alan, veja, vai gostar!

    ResponderExcluir
  14. Bahhhhhhh... inveja boa de ti... hehehe! Pelos posts tu aproveitastes bem o festival! E melhor: ainda compartilha conosco! Show de bola, Railer e gracias! Hugz!

    ResponderExcluir
  15. @fred, aproveitei sim. que bom que gostou do que compartilhei! ainda falta a última parte... aguarde!

    ResponderExcluir
  16. Fiquei curioso com os 2 ultimos filmes que referes.
    Vou dar uma de pirata na internet.
    ;)

    ResponderExcluir
  17. @mutante, vai em frente, depois me conta o que achou!

    ResponderExcluir

não será permitido nenhum tipo de discriminação nos comentários assim como nenhum tipo de ofensa ao autor ou aos visitantes. obrigado!

postagens relacionadas