segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

conhecendo stephen king

o grande escritor stephen king (pronuncie 'istiven', como o steven spielberg) tem a maioria de seus livros adaptados para a tv e cinema. mestre do terror e suspense, king conquistou (e tem conquistado) muitos fãs ao longo de sua carreira, pessoas atraídas por sua criatividade e seu modo intenso de contar histórias.

a primeira adaptação foi "carrie, a estranha" (carrie, 1976). daí em diante os filmes baseados em seus livros não pararam. quase todos têm sua versão para a tela grande, mas infelizmente poucos são os diretores que souberam recriar a magia dos livros dele no cinema.

na tentativa de verificar se seus livros eram realmente bons ou se apenas vendiam por causa de seu nome (o nome dele nas capas é maior do que o nome do livro), king criou o pseudônimo de "richard bachman". entretanto, seu segredo foi descoberto, mas alguns livros foram adaptados, como "o sobrevivente" (running man, 1987), com arnold schwarzenegger.

apesar de ser conhecido por causa do horror, king também escreveu excelentes  histórias humanas e dramáticas como "um sonho de liberdade" (the shawshank redemption, 1994), "à espera de um milagre" (the green mile, 1999) e a divertida aventura "conta comigo" (stand by me, 1987).

além dos já citados, recomendo também os livros:
"cemitério maldito" (pet sematary, 1989),
"o iluminado" (the shinning, 1980),
"christine, o carro assassino" (christine, 1983),
"a hora da zona morta" (dead zone, 1983),
"cujo" (cujo, 1983),
"louca obsessão" (misery, 1990),
"eclipse total" (dolores claiborne, 1992),
"fenda no tempo" (the langoliers, 1995),
"a maldição" (thinner, 1996),
"o aprendiz" (apt pupil, 1998) e
"a janela secreta" (secret window, 2004).

de uns tempos pra cá achei que o autor deixou a desejar nos livros e, consequentemente, os filmes também não têm tido tanto sucesso. é o caso do recente "sob a redoma" (under the dome, 2013), cujo livro tem quase mil folhas (me esforcei pra terminar pois é chato) e nem consegui passar do episódio 3 da série.

mas se tiverem a oportunidade de ler os livros, vocês verão como são narradas as situações mais aterrorizantes. é incrível o modo como ele prende a atenção do leitor, as idéias vão se juntando e a cena vai acontecendo na sua imaginação. o resultado é de arrepiar.

eu já li muitos livros dele e sou fã declarado, mas do stephen king antes do acidente (ele foi atropelado em 1999 e quase morreu). alguns livros bons como "jogo perigoso" (gerald's game) ainda não viraram filme.

"escrevo bem porque tenho o coração de um garotinho...
num jarro em cima da minha mesa." (king, stephen)

7 comentários:

  1. Excelentes dicas, nunca li nenhum livro de King, mas vi vários filmes dele. Carrie, O Iluminado, Cemitério maldito, Louca obsessão, Um sonho de liberdade. e outro que não me recordo o nome que era sobre alguém que deixava um rastro de fogo por onde passava. Todos eles excelentes RECOMENDO!
    Mas pra mim a obra prima dele é "Eclipse total" O filme é maravilhoso, final surpreendente! Interpretações impagáveis de Kate Bates de quem sou fã de carteirinha e a também incrível! Jennifer Jason Leigh É maravilhoso!!!
    Obrigado pelas dicas
    Bjs querido!

    ResponderExcluir
  2. Eu sei que o homem é muito bom, apesar de mais coisas fracas e do que realmente boas no seu "curriculum" - quando ele quer cria algo realmente assustador, até hoje não me atrevi a ler nenhum de seus romances, os filmes que foram baseados em seus livros, na maioria foram ótimos ... já na televisão, não digo o mesmo.

    http://suckitmydick.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Gosto dele ! Li os mais antigos ! Comecei com Christine, e pirei, o que fez com que eu lesse os outros.

    Abração !

    ResponderExcluir
  4. @dih melo, isso ae!

    @marcos, leitura recomendada!

    ResponderExcluir
  5. @chris, não acho que ele tenha mais coisas fracas. os livros são muito bons e ele é um ótimo escritor. a questão é que os diretores de cinema não souberam retratar bem as histórias. com exceção do frank darabont, que capta a essência dos livros do king e faz filmes fantásticos.

    ResponderExcluir
  6. Confesso que não sou grande fã de King. Mas confesso, também, que boa parte disso se deve a um preconceito miserável e feio da minha parte com os chamados autores "best sellers".
    bjs

    ResponderExcluir
  7. @jose, dê uma chance ao king. sugiro que leia 'à espera de um milagre' ou 'langoliers' do livro 'depois da meia-noite', pra começar.

    ResponderExcluir

não será permitido nenhum tipo de discriminação nos comentários assim como nenhum tipo de ofensa ao autor ou aos visitantes. obrigado!

postagens relacionadas