quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

bridegroom


finalmente assisti ao documentário bridegroom, que conta a história real do casal shane e tom, desde quando eram crianças, como foi a conversa sobre ser gay com os pais, como eles se conheceram, os seis anos juntos e o trágico acidente de tom, as consequências que se seguiram e a dor de shane, que foi privado de muitas coisas por não ser legalmente 'família' de tom.

um ano após o acidente, shane postou um vídeo no youtube que viralizou e foi visto por milhões de pessoas (veja aqui, legendado em português). depois então a história foi transformada num documentário, feito com relatos de amigos dos dois e da família de shane. a família de tom nunca aprovou o relacionamento dos dois e, após a morte do filho, a mãe dele levou tudo que quis do rapaz, além de impedir shane de ir ao funeral e se despedir. eles nunca nem responderam ao convite para participar do filme.

até mesmo no hospital, após o acidente (tom caiu do telhado do prédio enquanto tirava fotos de uma amiga), os médicos não deixaram shane chegar perto ou se recusaram a dar informações, por ele 'não ser da família', sendo que ele era a pessoa que tom mais amava, aliás, ele era a família.

uma história triste e comovente, mas que precisa ser mesmo conhecida para mostrar que todos devem ter os mesmos direitos, independente da forma como demonstram amor. é uma luta pela igualdade.

o nome do filme, além de ser o sobrenome de tom, também é a palavra em inglês que representa o noivo no dia do casamento. prepare-se para se emocionar!

o filme está disponível no netflix. abaixo o trailer.



*aqui o belíssimo tema. canção feita por uma amiga deles.

9 comentários:

  1. Não conhecia esse documentário, mas tem como não ficar curioso?

    Vou procurar ver, claro!

    ResponderExcluir
  2. tô aqui todo arrepiado... aff...

    ResponderExcluir
  3. @alan, o vídeo viral já vai te fazer chorar...

    @foxx, é de arrepiar mesmo.


    mas é importante ver como é lindo o modo como o shane transformou a dor dele numa luta contra a injustiça.

    ResponderExcluir
  4. Railer:

    De fato parece maravilhoso mesmo, mas a última coisa que ando precisando no momento é chorar...não ando bem emocionalmente.

    Beijo querido.

    ResponderExcluir
  5. @edilson, fique bem, querido.

    @renato, obrigado! =)

    ResponderExcluir
  6. Eu vi o título no Netflix mais ainda não assisti. Agora eu vou... hehehe! Deve ser muito bom! Hugz!

    ResponderExcluir
  7. @fred, é maravilhoso sim. vale a pena.

    ResponderExcluir
  8. Hum!..
    Já tinha visto o trailer na netflix mas não imaginava que fosse bom.
    Me deu uma ótima ideia.


    =*

    ResponderExcluir

não será permitido nenhum tipo de discriminação nos comentários assim como nenhum tipo de ofensa ao autor ou aos visitantes. obrigado!

postagens relacionadas